Notícias

Como fugir do óbvio na decoração do quarto do bebê

Autor: - 11/08/2016

Durante a gestação muitas mães se empolgam com a ideia de decorar o quarto do bebê fugindo do óbvio. Porém, poucas conseguem sair do tradicional rosa para meninas ou azul para meninos na hora de escolher as peças e pintar as paredes.

Cores escuras, como marrom, vermelho, azul marinho e verde, podem ser incorporadas à decoração, conforme orienta a arquiteta Lígia Bisconti. “Qualquer tom pode ser usado, mas é preciso cuidado para não escurecer o ambiente e nem deixá-lo com a decoração muito séria”, aconselha.

Mesmo assim, é preciso manter o equilíbrio e a leveza no cômodo. Assim, se a mãe escolher pintar uma parede inteira de azul marinho, por exemplo, o restante do ambiente deverá priorizar as cores claras e entrar apenas com detalhes no azul marinho.

Outra dica importante é evitar excessos. A tonalidade da parede pode ser combinada com os móveis do quarto, que geralmente têm cores mais claras e brancas.

A designer de interiores Adriana Fontana diz que dá para desvincular a questão da cor com o sexo da criança. “É possível usar rosa, azul e bege misturando cores neutras, como amarelo, verde e laranja com tons mais claros de uva e violeta”, sugere.

Estampas na decoração de quarto de bebê

Para o arquiteto Anderson Schmidt, há uma tendência de geometrização das estampas, de modo que haja um pouco mais de neutralidade no ambiente. “Assim, a decoração pode durar mais tempo antes que seja necessário fazer uma mudança geral no quarto”, explica.

Adriana recomenda estampas no formato de listras, xadrez, estrela ou losangos, que tragam algo criativo e agradável ao ambiente.


Voltar

San Marino Negócios Imobiliários COPYRIGHT 2020 SISTEMA IMOBILIÁRIO BY KUROLE

  • 56 usuários on-line